Como conseguir melhores resultados através de um Sistema Supervisório

A cada dia, o mercado corporativo torna-se mais competitivo. O aumento da produtividade sem abrir mão da qualidade e a redução dos custos são objetivos comuns associados à sobrevivência e ao crescimento das empresas. O uso de tecnologias da informação pode contribuir de forma considerável neste sentido.

Dentro deste contexto, a automação exerce papel fundamental. Em muitos casos é desejado que seja provido para os operadores e supervisores, a visualização de cada elemento do processo de maneira mais parecida possível com a realidade da planta.

Neste ponto, os sistemas supervisórios surgem não apenas como uma solução de monitoração de um processo, mas também como uma ferramenta bastante eficaz para o aumento de produtividade e qualidade de produtos facilitando a tomada de ações preventivas ou corretivas.

Para obter essas significativas vantagens, os usuários de sistemas supervisórios devem atentar-se para os recursos disponíveis presentes na maioria dos sistemas supervisórios, tais como:

Representação da Planta monitorada: É essencial, em um sistema supervisório, ter uma tela que representa, de forma mais fiel possível, os elementos de um processo. Isso é importante, pois possibilita ao operador identificar rapidamente o status de funcionamento de cada parte do processo tornando as tomadas decisão mais ágeis em virtude de algum estado de falha.

Histórico de informações coletadas do processo: Armazenar as informações coletadas do processo sejam por CLP's, Inversores, Balanças, etc, é de suma importância, pois possibilita análises de comportamentos e tomadas de decisões em relação a planta.

Gerência de Alarmes: É sempre importante, dependendo de cada processo, que alarmes sejam configurados de forma adequada, visando a segurança dos operadores envolvidos, bem como sinalizando alguma condição que pode danificar os equipamentos presentes na planta. Os eventos de alarmes também podem ser historiados em banco de dados de forma a permitir futuras consultas.

Análise de tendências: Baseado em informações coletadas do processo em tempo real ou mesmo no histórico das informações que estão disponíveis em banco de dados, é possível tomar ações proativas para maximizar a produção bem como ações preventivas de manutenção de algum detalhe do processo. Neste sentido, pode-se aumentar a disponibilidade da planta e consequentemente otimizar as tomadas de decisão para mantê-la em operação.

Geração de relatórios com as informações do processo: Um recurso muito utilizado em sistemas supervisórios é a geração de relatórios com as informações coletadas no processo. Estes relatórios podem ser apresentados de diversas formas tais como: Tabelas, Gráficos, Arquivos, etc. Os relatórios visam principalmente facilitar a interpretação das informações historiadas do processo, organizando-as para facilitar a análise do comportamento processo dando um maior suporte para a tomada de decisão.

Operação remota da planta: Escolher uma solução em sistema supervisório que permita a intervenção no processo a partir da sala de controle, de qualquer outro ponto da fábrica ou até mesmo via internet tem que ser levado em consideração. Com o cuidado de se criar níveis de acesso e recursos de segurança para certas funcionalidades da aplicação, a monitoração remota de um processo contribui principalmente para que não seja necessário sempre estar fisicamente presente na planta para acesso ao status de funcionamento da mesma e caso necessário e seguro, realizar alguma intervenção.

Integração com Sistemas de Gestão(ERP's): Com a integração cada vez maior dos processos em uma empresa, é cada vez mais importante cruzar as informações que estão presentes em um sistema de gestão da empresa com os dados produzidos pela planta supervisionada. Para isso, um sistema supervisório pode ser utilizado para fazer essa integração, funcionando como ponte entre os dados coletados do processo e os dados que estão presentes no Sistema de Gestão. Essa integração em alguns casos é de grande importância para que a empresa possa controlar sua produção, estoque, pedidos de compras, etc, de forma transparente e segura, tornando-se mais robusto e otimizando o processo produtivo.

Com a constante integração dos processos produtivos, a utilização de sistemas supervisórios para monitorar e integrar a planta de produção aos demais processos de uma empresa torna-se cada vez mais frequente e importante, viabilizando otimização, redução de custos e aumento na qualidade dos processos na medida que facilita a coleta e análise dos dados. Com estes requisitos em mente a HI Tecnologia desenvolveu o sistema supervisório HIscada Pro que poderá auxiliar a sua empresa a usufruir de todos estes benefícios, garantindo maior integração e eficiência ao seu processo produtivo.

Banner HIscada Pro

Compartilhe no Linkedin
Assinar o blog